segunda-feira, 6 de abril de 2015

Se és tu a única razão do meu sorriso,
para quando poderei eu dizer que sou a tua?

Sem comentários:

Publicar um comentário